Depoimentos

Eu e minha esposa Dani estivemos em Malta em Fevereiro/18 e saímos de Belo Horizonte com aquele aperto no coração de deixar o carnaval daqui para viajar para aquele país desconhecido. Esse aperto passou muito rápido, ao chegarmos lá descobrimos que haveria carnaval em Valletta! Claro que foi meio diferente, porém não menos divertido e interessante! Nosso primeiro choque cultural!

Bom. O país é incrível, são muitas cidades cheias de histórias... por várias vezes tem-se a sensação de estar dentro de um filme de época. Tudo isso contrasta com as belas paisagens naturais, onde as praias e penhascos são um show à parte. E para quem gosta de agito, a cidade onde está localizada a escola que estudamos, tem todas as opções de divertimento, com um clima que muito parece o de férias o ano todo!

Já temos vontade de retornar!!

Pedro Affonso

Meu coração se enche de alegria ao falar sobre esta pequena ilha paradisíaca, localizada no meio do mar mediterrâneo ao sul da Sicília que conquistou meu coração à primeira vista. Uma ilha fascinante considerada um dos menores países da Europa, com um dos mais baixos custos para se viver do continente Europeu, e que atualmente vem atraindo estudantes do mundo todo que querem aperfeiçoar o inglês, e claro, conviver com novas cultura sem abrir mão das noites de muita diversão na região de Paceville. O idioma maltês e o inglês são considerados como língua oficial entre os nativos permitindo esse encontro de etnias entre pessoas de várias partes do continente.

Malta por muitos anos foi palco de grandes disputas entre povos (fenícios, romanos, árabes, mouros, normandos, aragoneses, franceses e britânicos) devido a sua localização estratégica, mas o que de fato atrai turistas ao país são suas belas e inesquecíveis paisagens de seus pontos turísticos, tais quais: a Ilha de Gozzo com atrações belíssimas como a Janela Azul (Blue Window), a Citadella de Rabat com as Catedrais de Victoria e Gozzo, e os antigos Templos Ggantija. Com seu mar em diversos tons de azul a Gruta Azul será o cenário das mais belas imagens que seus olhos já puderam apreciar. Ah! E não se esqueça de conhecer o famoso Mercado Dominical da Villa Marsaxlokk ponto das barracas mais animadas da ilha. Conhecer Medina te dará uma nova perspectiva de um lugar tranquilo. A cidade é conhecida como a cidade do silêncio por ter aproximadamente 500 habitantes. Por lá, não são permitidos a entrada de carros, sendo apenas os moradores autorizados a utilizar este tipo de veículo. Sobre a gruta de São Paulo (complexo das catacumbas), não aconselho aos claustrofóbicos, contudo vale uma passadinha no Museu de Antiguidades Romanas, nos Jardins Buskett, no Palácio Verdala e aos Penhascos Dingli, esse considerado o ponto mais alto de toda a ilha de Malta. O que dizer sobre o arquipélago de Comino?! Meu Deus,...praias de águas azul-turquesa e areias brancas é o que você irá encontrar em Blue Lagoon. Já em St. Perter’s Pool, como o próprio nome sugere piscinas naturais, e se você é fã dos personagens do desenho Popeye, não pode deixar de visitar a Popeye Village em Malta. O cenário foi construído para as gravações do filme e fez tanto sucesso que virou ponto turístico da ilha. A ilha também tem sua cultura influenciada pela religião, são 365 igrejas por toda ilha. Uma para cada dia do ano.

Bom, escrevendo este texto revivi os melhores momentos da minha vida. E veio a saudade dessa ilha que me trouxe aprendizado, conhecimento e amigos pra toda vida. Viver em St. Julians me fez entender que o mundo sempre estará de portas abertas para aqueles que gostam de se desafiar colecionando momentos e sentimentos que perduram por toda vida através das lembranças. Viajar proporciona encontros, experiências, mudanças, conhecimento e acima de tudo sentimentos que eternamente serão seus. Se permita!

Walquíria Gomes Machado

Oi Tati,

Foi umas das melhores viagens que eu fiz na minha vida. Cidade maravilhosa, povo acolhedor, lugares bonitos de visitar e escolas excelente para aprender inglês.

Obrigado.

Marcelo José de Oliveira

Dr. Sarah,